quinta-feira, 17 de julho de 2014

Óleo Hidratante de Argan e Ojon, Richée Professional

Oi Gente!
Há pouco mais de um mês recebi da Richée Professional um frasco do Óleo Hidratante de Argan e Ojon. Venho testando desde que recebi e hoje venho dar minhas impressões sobre ele!

Segundo a Marca: Richée Professional Óleo Hidratante de Argan e Ojon combinou as propriedades do Óleo de Argan, oriundo de tradições milenares, o Óleo de Ouro do Marrocos, ao Óleo de Ojon, proveniente de Honduras, da cultura do povo de miskito, que significa "povo do cabelo bonito" e desenvolveu uma fórmula exclusiva com alta concentração de vitaminas A, E e agentes oxidantes que aderem facilmente aos fios tornando-os mais resistentes, hidratados, nutridos, sedosos e totalmente recuperados.

Modos de Usar:

1. Pré Shampoo: 
Para cabelos fracos de desvitalizados. Aplique algumas gotas do óleo hidratante nas palmas das mãos e passe por toda a extensão dos fios saturando-os de óleo. Deixe agir por alguns minutos e lave os cabelos.
2. Reestruturação e Hidratação Profunda: 
Nutre e regenera os fios. Misture 10g do óleo hidratante com uma máscara de hidratação. Seguir as orientações de aplicação da máscara.
3. Uso Diário: 
Para cabelos secos e rebeldes. Controle do volume, redução do frizz, nutrição e devolução do brilho. Aplicar algumas gotas por todas a extensão dos cabelos secos.
4. Pré Escova:
Aplique o óleo hidratante nos cabelos limpos e úmidos distribuindo no comprimento e pontas. Não enxágue. Em seguida inicie o processo de escova.

Achei ele levemente mais encorpado que alguns que eu já usei, por isso na primeira vez que experimentei coloquei menos quantidade com medo de pesar nos meus fios... Para a minha surpresa não pesou e nas outras aplicações pude ir testando até achar a medida ideal para o meu cabelo.

Outra coisa, o cheiro. Ele não é tão doce quanto o famoso óleo de Argan [o Ojon dá uma quebrada], mas também é bem cheiroso.

E por fim, o resultado nos meus fios. Uma imagem vale mais que mil palavras! Dá para ver uma super diferença nas pontas e no frizz, né?
Eu super aprovei e já virou queridinho...

Vocês conhecem a Richée?