quinta-feira, 26 de novembro de 2009

Praia chique é lema do verão 2010

Na praia, a moda é democrática. No verão 2010, continua sendo, mas está mais chique e sofisticada. É no que apostam as mais importantes marcas e estilistas de moda praia. Entre as principais propostas, aparecem as calcinhas maiores, as cores mais austeras como nude, e os caftãs como peça-chave para ir e sair da areia. E nada de top tipo cortininha.


Luiza Bonadiman
A tendência vem da moda resort, cujo nome tem origem nas coleções feitas para verões sofisticados, desfrutados em hotéis de luxo, sobre barcos e que vestem as mulheres também em festas à noite. "A proposta é usar um biquíni ou um maiô como uma peça de verão para qualquer hora e lugar, mesmo fora do ambiente praia, piscina, clube. Você veste uma roupa verão que pode ser usada em diversos ambientes, não deixando a mulher inadequada", disse Guilherme Vieira, estilista da Clube Nossa.


"Neste verão, pode-se apostar em modelos maiores de calcinhas, na diversidade das formas e modelagens. E tops tomara-que-caia estão em alta", afirmou a estilista Paola Robba da grife Poko Pano.

A nova moda praia, portanto, vai além da praia e pode ser vestida na cidade. "São maiôs usados como bodies, tops usados com outras peças de roupas e que podem criar looks muito sofisticados. Uma amiga minha, por exemplo, vai ser madrinha de um casamento e vai usar um maiô da Clube Bossa. A produção está superchique", afirmou Vieira.


Água de Coco
E como a moda praia chegou até o altar? Segundo o estilista, as mulheres vêm buscando mais sofisticação na forma de se vestir. "No Brasil, a moda praia tem uma importância muito maior que em outros países, sendo que aqui a mulher se prepara para o verão, faz dieta, exercício, quer estar bonita, então nada como usar uma peça sofisticada. Não falo de excessos, mas biquínis e maiôs que tenham uma excelente modelagem, que reforcem a feminilidade e sejam elegantes, com acabamentos de excelente qualidade, usando tecidos confortáveis, resistentes e diferenciados", disse.

Das peças chiques da carioca Lenny Niemeyer às sensuais e com apelo fashion popularizadas por Amir Slama para a Rosa Chá, a moda resort ganhou espaço com marcas como Neon, dos estilistas Dudu Bertholini e Rita Comparato, Luiza Bonadiman, que trabalha com o conceito de beach couture, e Adriana Degreas, que trouxe sofisticação ao segmento, inovando no uso de estampas e materiais.

Para esta temporada, Adriana aposta em caftã de renda usados com biquínis nude ou biquínis de veludo com elastano em tons berinjela. "O segredo, caso queira seguir a tendência, é usar as peças mais clássicas, só que em cores até há pouco eram consideradas conceituais, como marrom, nude, verde-escuro", disse a estilista.


Cia. Marítima
A estrela das coleções são as calcinhas maiores, que podem até ser as do tipo hot pants, que são mais altas na cintura. "Você pode dobrar quando está ao sol. E quando sai do barco, da praia ou da piscina, não precisa se cobrir toda, basta desdobrar. Essa peça deixa a mulher muito charmosa. Usada com um caftã de seda, o look fica fantástico", afirmou o estilista da Clube Bossa.


Lemonlight
Dia e Noite
As peças sofisticadas que permitem um passeio pós-praia não dispensam uma produção mais caprichada à noite. Para Adriana Degreas, é importante ter looks básicos para compor um look de dia, e arrojar mais nas peças à noite. "De dia, a parte de cima do biquíni compõe com as peças mais amplas e, sem dúvida, vale explorar as cores cítricas do verão. De noite, os maiôs fazem a função do body, só que na versão mais glam. Sugiro as peças de modelagem mais simples, como frente-única, bustos longos e maiôs decotados".


Lenny

Brilho
A proposta de sofisticar a moda praia trouxe para seu universo um item até então proibido: o brilho. Agora, vale optar, sim, pelo efeito, mas ainda é preciso cuidado. "Um pouco de brilho ao sol dá um visual fantástico", disse Vieira, que sugere moderar nas combinações: "Ao usar uma peça mais elaborada, com muitos detalhes e bordados, deve-se ter o cuidado de reduzir o uso de acessórios, porque o clima também deve ser de relax, leve".
Para Adriana, depende da forma que a pessoa usar. "Os detalhes precisam ser bem dosados. Biquínis ou maiôs com brilho, sejam metalizados ou bordados, falam por si só. Não precisam de muitos complementos. O contraste entre a sofisticação e pé-na-areia já fazem toda a diferença".

O que a moda resort ainda não levou às areias foi o salto alto. "Não vale para ir à praia. Mantenha os pés no chão", afirmou Paola Robba, que também condena o uso de maquiagem. Para a estilista, independentemente da proposta, o maiô ou biquíni deve cair bem no corpo. "O maior pecado que uma pessoa pode cometer é usar peças que não sejam compatíveis com seu corpo", disse.




Além disso, ainda vale apostar no seu estilo pessoal. "Não seja uma fashion victim. Se você tem o hábito de ir à praia com a intenção de nadar, jogar bola, se esturricar no sol, pode continuar assim", disse Adriana.

Michelle Achkar, Especial para Terra

3 comentários:

  1. Olha, eu fico tensa!!!! Demora um pouquinho e eu logo entro em pânico... rsrsrs
    Mas tudo acaba se resolvendo!...

    Muito chique, não é mesmo?! Tb, essas modelos sempre ficam bem com tudo!!! rsrsrs

    Beijão e muito obrigada!!!

    ResponderExcluir
  2. Oiee, realmenteee o verão vaie star muuuito chiq!!
    Vamos ver se consigo achar um biquine pra mim, que taa difcil a coisaa viu :s
    Beijoos

    ResponderExcluir
  3. Nossa! A moda praia tá um luxo, né?!
    Bjos.

    ResponderExcluir

Adoraria que você compartilhasse sua opinião sobre o post!
Um comentário pertinente, sobre o assunto do post e até mesmo uma crítica construtiva...